Saturday, May 26, 2012

Livro





Um livro muito interessante (nao acho que "interessante" seja um termo justo para o contexto e o conteudo deste livro, mas e' o que daqui de onde estou, posso observar agora) me tomou de surpresa esta semana. Nao preciso lembrar aqui o quanto estou tomada de responsabilidades que "exigem" de mim, no minimo, atencao e cautela. Entretanto o livro, logo no inicio, certamente contradiz esse esforco meu, supostamente desnecessario, me jogando no meu proprio julgamento de mim mesma, logo enchendo-me de culpa e desgosto pela situacao que "sinto" ter gerado para mim mesma. E' por isso que ironicamente, mesmo tendo sido intuida e orientada pela minha mae a deixar de ler-lo agora, para que eu pudesse desempenhar das funcoes que EU exijo de mim mesma, percebo uma atracao quase irresistivel de faze-lo. O livro levanta questionamentos logicos e obvios no meu entendimento, a verdade. Eu que nao tenho muita paciencia com enrrolacao e superficialidade, a menos que seja "divertido" e auxilie a des-contracao com proposito de levar-nos ao profundo, humano, e verdadeiro ser, nao pude negar que se tratava de um assunto serio e que estava sendo feito do principio verdadeiro e simples. Fui eu (meu ego) quem ficou, desta vez, querendo a enrrolacao e provavelmente a superficialidade para poder lidar melhor com a verdade...
Finalmente, quero passar a diante o que chegou a mim, para que nao fique preso, nem julgado de onde estou, seja la' o que vira' nas proximas paginas que ainda nao li (estou agora na pagina 54).

Um Abraco,
Dja

No comments:

Post a Comment